quinta-feira, 16 de junho de 2011

Salve-se na dieta do cálcio

Fácil ser herói quando o mundo não corre perigo
Abalo sísmico só dá uma jogadinha de lado nos pólos
Diferente da gente,
o mundo continua girando, girando;
enquanto a gente da voltas para contornar as coisas

É bom dá jeito no efeito estufa,
Não desperdiçar coisas: água, energia, inteligência;
nem meu tempo e dinheiro com tanta fantasia de que o mundo vai acabar.
Foi o tempo que El ninho era notícia

Tudo é tão comércio de cálcio.
Coma isso! Passou no noticiário;
supra os mil e quinhentos gramas necessários.
Não coma aquilo e adicione gergelim nas refeições.
São tostões de saúde!
Isso não é real para o trabalhador assalariado; são reais

Não fume, não beba.
Que se foda, não foda!
Carne magra, grelhada com salada é altamente digestivo.
Péssima hora para uma donzela loira a perigo.

Tanta coisa faz mal, respirar faz mal...
Viver mata inclusive,
e morrer é normal eventualmente
Estranho é Niemayer com 102 anos liderando um grupo comunista
Ferreira Goulart discutindo política no “Roda Viva”, e a dona Benedita com 110 anos fazendo ponto cruz e degustando joelhinho de porco.

Engraçado...
Existe gente que não devia morrer
e gente que não podia ter a chance nem de cruzar o óvulo,
mas não dá para brincar de Deus.

“Esse mundo está perdido”, palavras do meu avô
E foi a gente que perdeu!
Tanta sustentabilidade não salva ninguém de tsunami
Deixa o mundo derramar, está fazendo a parte dele
A pena única é que nenhuma dieta salva o homem de si mesmo

Não é tão fácil salvar uma donzela em perigo.

2 comentários:

Luciana Vila Real Mendes disse...

Excelente texto! =P Essas dietas do cálcio nada mais são do que o ser humano tentando maquiar a fragilidade e falta de sentido da vida.

Rick Alvez disse...

Quando crescer quero ser igual a Sarinha Minini hehehe ... Muito bom texto!! E sem exageros...... PARABÈNS